fbpx
Educação

O que a creche precisa oferecer?

Por 18 de março de 2019 julho 11th, 2019 Sem comentários
o que a creche precisa oferecer

Chega um momento em que o bebê sai de casa e integra um novo ambiente social: a creche.

Mas você já pensou sobre o que é realmente importante nesse espaço?

Confira a seguir o que a creche precisa oferecer!

 

Creche: um local de cuidados, estímulos e afeto

A creche é um local em que a criança fica boa parte de seu dia, às vezes em período parcial, às vezes em integral.

Normalmente porque seus pais precisam trabalhar ou porque querem que ela esteja em contato com outros de sua idade ou ambos os motivos.

Por isso, quando um bebê vai para a creche ele deve receber todos os cuidados básicos essenciais ao seu bem estar, aliados a estímulos que permitem o seu desenvolvimento integral.

E não podemos esquecer também que amor, carinho, afeto e dedicação são primordiais para a formação dos bebês. Consequentemente, a creche precisa contar com profissionais dispostos não apenas a cuidar e ensinar, mas a estabelecer vínculos afetivos com as crianças.

 

O projeto pedagógico e os professores

Uma creche, assim como outras instituições de ensino, deve estabelecer um projeto pedagógico.

Este orienta as atividades promovidas nos seus espaços e fornece o suporte para que cada professor construa o seu programa de ensino orientado para os alunos e suas faixas etárias específicas.

Dessa maneira, as práticas são pensadas e planejadas previamente.

E para isto, é preciso que o professor tenha qualificação específica e mantenha-se em constante processo de formação.

 

Canvas para Educação Infantil

As atividades promovidas na creche

Um dos critérios principais a serem levados em consideração ao escolher uma creche é a quantidade e a qualidade das atividades promovidas pelos educadores.

Afinal, o bebê precisa aumentar suas experiências sensoriais e sociais, pois só assim constrói sua identidade e adquire autonomia.

Dentre a variedade de práticas possíveis citamos:

  • exploração de espaços fechados e ao ar livre;
  • descoberta de sons, ritmos e melodias de canções;
  • brincadeiras de representação que despertam a imaginação;
  • rodas de conversa ou de outras formas de expressão;
  • conhecimento do próprio corpo e seus movimentos;
  • leituras e contação de histórias;
  • desenhos e pinturas.

O que é imprescindível é que a criança possa expressar-se livremente e sua curiosidade seja estimulada constantemente.

E quanto maior a diversidade de práticas, utilizando da ludicidade e materiais que incentivam os processos criativos do bebê, melhor.

 

O espaço físico e a infraestrutura

Em relação aos espaços e recursos disponibilizados pela creche, eles precisam ser seguros para minimizar os riscos de acidentes.

Além disso, os adultos devem estar atentos a todo momento, não limitando as descobertas infantis, mas incentivando-as de maneira adequada.

Para os pequenos, o ideal é que os espaços sejam coloridos, com texturas diferentes nas paredes e nos chãos, luminosos e possuam inúmeros materiais.

Estes devem permitir que os bebês criem brinquedos e objetos usando a imaginação.

Abaixo alguns exemplos de materiais:

  • caixas de papelão ou madeira;
  • folhas e galhos de árvores;
  • lápis, giz de cera, pinceis e tintas;
  • brinquedos de encaixar e de montar;
  • sucatas;
  • panos;
  • aparelho de som;
  • colchonetes e/ou almofadas;
  • objetos que emitem ruídos e sons diferentes.

 

Enfim, há uma ampla variedade de elementos que podem ser utilizados nas atividades diárias dos bebês.

Basta que o professor também desperte a sua própria criatividade e deixe-se guiar pelo mundo mágico dos pequenos.

Unindo, portanto, estímulo a liberdade de expressão, uso da imaginação, estabelecimento de laços afetivos e cuidados essenciais, a creche é o local ideal para que o bebê desenvolva-se adequadamente.  

Se você gostou do post, compartilhe-o com outras pessoas que também queiram saber mais sobre as creches!

 

×