fbpx
Educação

Corpo, gestos e movimentos na educação infantil

Por 19 de agosto de 2019 setembro 3rd, 2019 Sem comentários

Como trabalhar esse Campo de Experiência em sala de aula? 

 

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) define 5 Campos de Experiência que devem ser trabalhados em sala de aula. 

 

Quando se pensa em Corpo, Gestos e Movimentos, como isso pode ser trabalhado em sala de aula e o que isso significa? É o que esse texto abordará. 

 

O que esse Campo de Experiência aborda? 

Os sentidos são como nossos primeiros professores, pois nos ensinam, desde bebês como pode ser vasto o mundo. 

 

Esse Campo aborda não só os sentidos, mas sim tudo que compõe o corpo, como os movimentos, tanto quanto os coordenados, como os espontâneos, tanto os voluntários quanto involuntários. 

 

Toda essa movimentação contribuem para que crianças percebam sua corporeidade, identificando até onde podem ir e o que pode causar dano a eles. 

 

Como trabalhar isso em sala de aula? 

No caso de bebês, sempre é recomendável que eles possam, em um espaço seguro e supervisionado, se espreguiçar, alcançar objetos, interagir com esses objetos, como também serem estimulados por mímicas faciais.Todos esses estímulos auxiliarão os bebês a engatinharem e posteriormente andarem. 

 

Além disso, é importante deslocar crianças de um espaço para outro pra que ela perceba as diferenças nos espaços. A utilização de música com bebês também é recomendável. 

 

Com crianças mais velhas, é possível estimular a coordenação motora fina e ampla, com atividades de pintura, desenho, a própria alimentação, que deve ser supervisionada mas incentivada que a criança se alimente sozinha, tendo contado o máximo possível com alimentos. 

 

Algumas sugestões são brincadeiras de circuitos, imitação e sempre levar as crianças, quando possível, a atividades na área externa, nas escolas que tem parquinhos, ou mesmo com os pais, para que ela possa se exercitar. 

 

À medida que a criança brinca e se exercita, ela também desenvolve senso de equilíbrio e começa a conhecer melhor os limites. 

 

Conclusão: O estímulo às crianças em explorarem formas, cores, sabores e seu próprio corpo, desenvolvendo a movimentação e adquirindo conhecimento sobre os limites é a melhor forma de desenvolver esse Campo de Experiência, cabendo ao educador ter criatividade de estabelecer atividades motivadoras a seus alunos. 

 

×